domingo

Exclusivo

Quem em Brasília não lembra do caso Pedrinho.

Essa semana eu estava passando em frente ao Hospital Santa Lúcia (Setor Hospitalar Sul), quando um amigo dentro do carro falou:

- Olha aí o hospital do pedrinho

Eu indaguei com ele, Pedrinho? vc conhece o dono do hospital? E ele me respondeu

- Não... eu estou falando do Pedrinho, aquele garoto que foi roubado na maternidade etc...

Naquele momento eu pensei comigo, como um caso desse pode marcar uma sociedade, mas porque eu resolvi postar sobre esse assunto.

Para minha surpresa fui convidado para um almoço na casa de uns amigos hoje e quando lá cheguei para minha surpresa a casa ficava em frente a atual residência do Pedrinho, logo essa coincidência me remeteu para o caso ocorrido durante a semana, e para minha mairo surpresa ainda, os pais dele também estavam lá no almoço.

Fui apresentado ao pai, o Sr Osvaldo e perguntei a ele como estava o Pedrinho ou Osvaldo como é o nome dele agora, ele me respondeu que estava muito bem, estudando e naquele momento na casa da namorada.

Como é bom ver um final feliz. Graças a Fé de uma mãe, que por todo o tempo, que não foram só um ou dois dias, mas 15 anos de espera, não perdeu as esperanças de reencontrar o rebento.

Legal né...

ABRAÇO em quem se abraça, BEIJO em quem se beija e ABRAÇO com BEIJO em quem se abraça e beija!!!

FUI...

Um comentário:

Luciana disse...

Amor...Vim conhecer seu BLOGGer!!!
Muito legal, essa postagem, em especial...
Esse mundo é pequeno demais!

Tenho que ir...

Beijos com mtas saudades!